17 de jun de 2007

ALMA MINHA GENTIL - Camões

Alma minha gentil, que te partiste
tão cedo desta vida descontente,
repousa lá no Céu eternamente,
e viva eu cá na terra sempre triste.

Se lá no assento etéreo, onde subiste,
memória desta vida se consente,
não te esqueças daquele amor ardente
que já nos olhos meus tão puro viste.

E se vires que pode merecer-te
alguma cousa a dor que me ficou
da mágoa, sem remédio, de perder-te,

Roga a DEUS, que teus anos encurtou,
que tão cedo de cá me leve a ver-te,
quão cedo de meus olhos te levou.

2 Comentários:

Serenaflor disse...

Adorei seu blog. Ele tem uma suavidade que dá paz ao interior. Sou espírita e adoro os temas e as psicografias postados aqui. Fica com Deus e um grande beijo. Serena Flor.

Anônimo disse...

Não sou seguidora do espiritismo, mas tenho uma forte relação com ele. Tenho lido muito e sinto que muito ainda tenho para aprender. As vezes recebo mensagens de pessoas que já desencarnaram me pedindo ajuda, mas vezes fico confusa e peço ajuda no Centro André Luis, gostaria de aprender a lidar com essa mediunidade e como posso desenvolve-la para ajudar as pessoas e os irmãos que me procuram

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

2leep.com

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo