5 de dez de 2007

PAI E MÃE, VIAJAMOS NA SAUDADE - Marcelo

Viajamos no tempo, através deste veículo estranho com nome de saudade. Às vezes esta máquina que nos leva a lágrimas, termina ela com o combustível que sustenta a viagem, nos levando juntos a ela. Procuramos então um posto mais próximo e mesmo lembrando que, abastecendo a saudade, continuarão nossas lágrimas, nossa vontade de beijarmos um ao outro. Mas sabemos da necessidade de seguir viagem, com a máquina estranha que existe em nós, porque em nós existe o amor.

Mãe gostaria de ter a chave do céu ou de poder trazer até você a luz que você deseja. No entanto, sou eu quem busca no seu olhar duas estrelas que me refazem, de maneira a sentir em uma altura, que não me vejo quando não estou próximo de você. Obrigado por este amor interminável, por esta proteção que me coloca no céu do seu amor de mãe.

Papai Luiz Henrique somos os mesmos. Apenas mudou nossa caminhada. Nós somos pai e filho, amigos, irmãos para sempre. Amo você pai. Confia na sua força.

Mãezinha Cleuza beija por mim a vovó Otilia, que ela tenha certeza de que eu a amo muito. Beijos mãe, beijos pai.


Assinado : Marcelo Silva Ribeiro
(Nascimento 25/01/1987 - Desencarne 13/09/1995)
Data, 24 de maio de 2005.
Local : Uberlândia ( MG ) – C.E. "O Semeador"
Médium : Celso de Almeida Afonso

Fonte: ELCEAA – Editora e Livraria do Centro Espírita Aurélio Agostinho - Av Lucas Borges, 61 – Cep 38.065-350 - Uberaba (MG)

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

2leep.com

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo