4 de fev de 2008

SE EU FOSSE DEUS

Certo dia, lendo o artigo de um poeta, o autor falava sobre a hipótese de um ser humano ser Deus por uma semana. Caso ele fosse Deus, “chamaria o meu anjo-secretário e ditaria os dois artigos da minha lei:” "Art. 1.º – ficam a partir deste instante abolidos, em todos os quadrantes, a miséria, o desamor, a injustiça, a doença, a ignorância, a guerra e a morte.” Art. 2.º – "revogam-se as disposições em contrário". Mas Deus já decretou isso nas suas soberanas leis.

No entanto, o Criador não pode violentar o livre-arbítrio de seus filhos, impondo uma perfeição que estes ainda estão longe de alcançar. Vejamos o que dizem os espíritos superiores, explicando porque Deus não criou todos os espíritos perfeitos. Se Deus os houvesse criado perfeitos, nenhum mérito teriam para gozar dos benefícios dessa perfeição. Onde estaria o merecimento sem a luta? Além disso, a desigualdade entre eles existente é necessária às suas personalidades. Se todos os espíritos encarnados na terra estivessem no nível de Ganhdi, Chico Xavier, Madre Teresa, Irmã Dulce e outros, não precisaria nenhum decreto proibindo a miséria, o desamor, a injustiça, a doença, a ignorância e a guerra.

Assim sendo, se não somos Deus, somos filhos dele e podemos fazer a nossa parte. Os espíritos foram criados simples e sem nenhum conhecimento, mas todos, sem exceção, chegarão à perfeição. Só depende da nossa vontade. E essa vontade também inclui a busca das verdades que regem a vida. Nos soberanos códigos divinos a morte não existe para o espírito. Jesus provou isso se mostrando vivo depois da morte física. A miséria, o desamor, a injustiça, a doença, a ignorância e a guerra, são problemas criados pelo próprio homem. Nem precisa ser Deus para abolir as misérias. A única condição para que isso aconteça é querer.


Equipe de Redação do Momento Espírita, com base em artigo de João Manuel Simões, publicado no jornal Gazeta do Povo, no dia 11/08/2003 e da resposta à pergunta 119 de O Livro dos Espíritos. Leia texto integral

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

2leep.com

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo