27 de ago de 2008

BEZERRA : ELENCO SE EMOCIONA NA PRÉ-ESTRÉIA

O filme "Bezerra de Menezes: o Diário de um espírito" teve pré-estréia na noite da última segunda-feira, no Cine Odeon, no Centro do Rio de Janeiro, e emocionou o elenco presente. O longa-metragem, que é dirigido por Glauber Filho e Joe Pimentel, conta a história de vida do médico cearense que depois de exercer a medicina e se infiltrar na política descobriu o poder do espiritismo estimulado por um livro de Allan Kardec. Aos 55 anos de idade, o médico que viveu de 1831 a 1900, se viu diante da necessidade de abraçar o espiritismo com todas as forças e passou a se dedicar aos pobres, repartindo o pouco que possuía e atendendo aos chamados de necessitados.

O papel de Bezerra de Menezes é vivido pelo ator Carlos Vereza, que estava visivelmente emocionado com a conclusão do projeto. Ele, que é espírita, contou : "Eu procurei não ler nada e nem fazer grandes pesquisas para viver o personagem, fiz o meu trabalho em cima de compaixão. Sem dúvida, o momento que mais me surpreendeu foi quando o médium baiano Divaldo Franco viu o espírito de Bezerra de Menezes do meu lado durante a exibição do filme-piloto, foi muito emocionante". O ator Caio Blat, que como ele mesmo disse só teve uma “participação afetiva” no longa, aparece apenas uma vez, mas acha que o filme tem que ser visto por todos, mesmo pelos que não são espíritas.

O produtor do filme, Luis Eduardo Girão, ficou impressionado como todo o projeto deu certo do início ao fim, segundo ele a única dificuldade foi encontrar locações parecidas com a época e o local do filme. "O mundo hoje está muito carente de mensagens de paz, de pessoas que trabalham pelo próximo. Bezerra passou mensagens através da psicografia de Chico Xavier, e com as premiéres por todo o Brasil estamos vendo que ele é admirado em muitas religiões. A mensagem dele vai fluir através desse filme em um mundo conturbado pela violência, acreditamos que as pessoas vão perceber que o amor vale a pena", disse.

Apesar disso, as primeiras críticas ao filme destacam a pouca qualidade técnica, que seria fruto das mudanças no curso do projeto, que nasceu como um documentário e derivou para um longa-metragem. Por esta razão e por ter sido feito por espíritas e para espíritas, os profissionais de cinema duvidam que ele tenha força para se manter no circuito comercial.

O filme, que estréia nesta sexta-feira (29/08), em apenas quatro salas de cinema do Rio, conta com Carlos Verza no papel título e participações especiais de Lúcio Mauro, Caio Blat, Paulo Goulart Filho e Ana Rosa.

2 Comentários:

Vanessa disse...

O médico do amor...
Esse coração cheio de amor...
Um amor tão lindo...tão puro....
Que a emoção é sentida de forma encantadora..
Pra quem busca esse amor acontecer..
As obras de caridades feitas com o coração serão pra sempre motivadoras...Sem perder o brilho com o tempo...
O tempo é um grande amigo que o ajudará a encantar mais e mais...
Lindo...
Lindo...
Lindo...
Quanto sentimento de amor posso sentir ao pensar nesse espírito tão puro...tão belo!
Vou assistir essa semana!!!

Vanessa.

Anônimo disse...

Eu nao vim fazer propaganda eu do vim dizer que eu fiz a filha dele criança, eu to nessa foto, produçao incrivel! Sinto saudades, eu tinha 5 anos e agora tenho 10 mais ainda sinto saudade! Foi muito legar fazer Aquela cena da foto demorou mais doque parece!

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo