4 de out de 2008

A MORTE FAZ PARTE DO SENTIDO DA VIDA

Retomamos esta semana, ainda que modestamente, a regularidade de postagens e o acolhimento às muitas mensagens e e-mails que nos são enviados. Devido ao grande volume, peço a compreensão dos remetentes, já que todos serão respondidas, mas, obedecendo a ordem de recebimento, ainda precisaremos de alguns dias para atender com a atenção necessária.

Mas aproveito para transmitir um aviso de caráter geral, já que alguns leitores de pontos distintos e distantes do país revelaram estar tendo dificuldades em acessar a página. Via de regra, este um problema relacionado ao tráfego da internet, às limitações do servidor que utilizamos e da conexão daqueles que nos acessam. Como são aspectos imponderáveis, sobre os quais não temos como influenciar, procurei tornar a página mais "leve" -- com poucos gifs e eliminando box e imagens animadas --, o que deve contribuir para um carregamento mais rápido do blog. Ainda assim, dependemos e aguardamos a resposta dos leitores, especialmente aqueles que utilizam internet discada. Isto porque, se tal não for suficiente, poderemos redesenhar a página ou mudar de servidor.

Por fim, recebo com alegria as manifestações de carinho e, principalmente, de agradecimento, mas me sinto na obrigação de, uma vez mais, esclarecer o papel e as imensas limitações de nosso espaço. Primeiramente, embora não seja uma página pessoal, acabo sendo identificado como único responsável pela eventual ajuda que buscamos dar às pessoas feridas pela dor da perda. Erroneamente, para alguns, pode ficar a impressão de que podemos mais do que nossa restrita vontade de auxiliar; que somos melhores do que parecemos ou que haja qualquer tipo de auto-promoção. Como já tive oportunidade de escrever aqui, na Comunidade no Orkut e em e-mails de resposta, não sou médium. Faço parte de um grupo de médiuns que se reúne em duas casas e que, eventualmente, faz psicografias, em complemento ao trabalho de assistência material e espiritual. E, na verdade, sou o único do grupo que não possui qualquer sensibilidade mediúnica : não vejo, não sinto, não tenho qualquer intuição.

Não tenho "poderes", como dizem os leigos, ainda que Divaldo Franco defenda que somos, todos, potencialmente sensitivos. Tenho apenas fé, uma fé tranqüila e inquebrantável, que me sustenta e acho que me possibilita ajudar de alguma maneira. Talvez justamente por não ter qualquer envolvimento mediúnico tenha me incumbido (ou me incumbiram) de realizar este trabalho de divulgação das mensagens, de esclarecimento e de buscar confortar as pessoas.

Por isto criamos o Blog Partida e Chegada e uma Comunidade no Orkut, onde divulgamos psicografias, artigos e reportagens sobre o espiritismo; derivando para nosso Grupo no Yahoo e, recentemente, a nossa Rede de Amigos, que já conta com cem participantes. Como demonstram os números, tem sido possível fazer algo efetivo, mas, com realismo, ainda longe do que gostaríamos e imensamente o oposto da enorme expectativa dos que nos escrevem. Como já ressaltamos inúmeras vezes, as comunicações mediúnicas são limitadas às condições dos espíritos que se foram, de seus familiares e das circunstâncias de vida e de desencarne de cada um. Não existe uma regra rígida para que ocorram e, embora possa parecer contraditório, esta é uma medida exata da justiça de Deus.

Portanto, espero que considerem eventuais mensagens psicografadas aqui reproduzidas como meras amostragens de situações, muitas das vezes, semelhantes às suas; instrumentos de consolo e de comprovação da vida após a morte. Não procurem tal elo como um fim em si mesmo ou mera satisfação de uma curiosidade. Vejamos, todos, em cada texto, seu sentido único, pois a morte também faz parte do sentido da vida e as respostas das quais precisamos nem sempre estão disponíveis quando queremos; mas sim quando precisamos.

3 Comentários:

Vanessa disse...

Venho agradecer a oportunidade de poder ler tantos ensinamentos aqui...
De poder compartilhar tantas idéias...
Isso ta me fazendo um bem enorme!
Queria tanto estudar a doutrina espírita num ambiente de amor...
Com pessoas bacanas...
Entendidas....
E durante todos esses anos sentia essa vontade...
E hoje..
Encontrei um “centro espírita” aqui..
Com vocês...
Virtualmente...
Não imaginava...
Mas que ta sendo tão bom....tão gratificante...
Que tenho vontade de escrever sempre...
Ta virando até rotina...
Pra compartilhar com vocês minhas idéias...
E de poder estudar a doutrina espírita pra valer...
Como sempre tive vontade...
Agradeço de coração...com muito amor....
De ter vocês aqui comigo...
Não me sinto mais sozinha no barco das experiências...
Espero um dia conhece-los pessoalmente..
De poder olhar pra vocês...
Dar um abraço e sorrir muito...
Vai ser uma felicidade sem fim...
Muito obrigada a todos vocês!

Beijos e abraços!!!!

Vanessa disse...

Venho agradecer a oportunidade de poder ler tantos ensinamentos aqui...
De poder compartilhar tantas idéias...
Isso ta me fazendo um bem enorme!
Queria tanto estudar a doutrina espírita num ambiente de amor...
Com pessoas bacanas...
Entendidas....
E durante todos esses anos sentia essa vontade...
E hoje..
Encontrei um “centro espírita” aqui..
Com vocês...
Virtualmente...
Não imaginava...
Mas que ta sendo tão bom....tão gratificante...
Que tenho vontade de escrever sempre...
Ta virando até rotina...
Pra compartilhar com vocês minhas idéias...
E de poder estudar a doutrina espírita pra valer...
Como sempre tive vontade...
Agradeço de coração...com muito amor....
De ter vocês aqui comigo...
Não me sinto mais sozinha no barco das experiências...
Espero um dia conhece-los pessoalmente..
De poder olhar pra vocês...
Dar um abraço e sorrir muito...
Vai ser uma felicidade sem fim...
Muito obrigada a todos vocês!

Beijos e abraços!!!!

Paola disse...

foi uma graça de Deus ter te "conhecido", através de uma amiga virtual. Somos formiguinhas solitárias e solidárias que, pelo fato de estarmos a procura de notícias de nossos queridos que já voltaram ao lar, quando encontramos alguém com seu desprendimento, amor, carinho, nos ajudamos , desejando que cada uma de nós receba alguma notícia do lar celestial. Assim é que, conhecendo esta comunidade e posteriormente o blog, pude vislumbar a possibilidade da comunicação. Estou anciosa no aguardo de notícias de meu irmão BRUNO LEONARDO SILVA DE OLIVEIRA, que partiu em 25 de março de 2008, aos 24 anos, vitimado por uma infecção generalizada provocada por grave infecção pulmonar. Serei a pessoa mais feliz, se receber alguma coisa dele, é meu único e querido irmão de quem sou a pupila preferida, amada. Quando em vida, se ele pudesse me colocaria num redoma, era muito amor. Amigo, aguardo feliz na certeza da mensagem. Beijos em seu coração.

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo