24 de fev de 2009

MEDIUNIDADE DESDE A INFÂNCIA

Ao primeiro olhar, a sala de espera é de um ambulatório. Os doentes chegam, relatam seus problemas e aguardam a ajuda dos médicos, como em qualquer hospital. O que não é comum naquele local é a medicina.

Casa do Caminho, Juiz de Fora, sul de Minas. Quem vai em busca de cura acredita que especialistas que não estão mais entre nós continuam combatendo doenças, salvando vidas. O instrumento para tantos poderes seria dona Isabel Salomão. Ela diz que convive com o espírito de um médico português que morreu no Brasil há quase 200 anos.

A mediunidade de dona Isabel vem da infância. Ela conta que quando tinha 9 anos começou a ver os espíritos. "No ambiente em que eu estivesse, eles trabalhavam, faziam reuniões, coisas que eu ouvia e não entendia. Via e não sabia classificar essas presenças. Só aos 22 anos foi que eu encontrei a doutrina espírita".

Noite de sexta-feira, a Casa do Caminho recebe mais de 800 pessoas. É assim toda semana. A grande maioria vai buscar a energia das mãos de dona Isabel - um remédio poderoso que viria da espiritualidade.

Muitas das curas que ocorreram na Casa do Caminho são consideradas inexplicáveis pela medicina. Fenômenos que obrigaram médicos a pesquisar. O método da pesquisa é baseado em informações prestadas pelos próprios pacientes. Eles são acompanhados antes, durante e depois dos tratamentos. Os resultados, dizem os médicos, são surpreendentes.

A aposentada Ilka Fontes de Carvalho, de 66 anos, diz que sentia dores horríveis na coluna. Pelas imagens da ressonância magnética, era uma hérnia de disco. "Não podia me mexer, não podia andar, nem calçar, não podia nada. Não tinha cama, nem sofá, nada", lembra a paciente.

Dona Ilka já se preparava para uma cirurgia. Mas antes resolveu procurar Isabel e começou a receber os passes da médium. "No primeiro passe, vim carregada. No segundo, eu já vim andando. A hérnia desapareceu e eu não precisei fazer cirurgia", ela diz. Dona Ilka nunca mais sentiu dores na coluna.

"A medicina tradicional tem responsabilidade com o corpo físico. Agora é preciso que ela entenda do espírito, porque todas as doenças começam no espírito. Se não curar o espírito, a doença do físico prossegue", comenta dona Isabel.
Veja mais : íntegra do programa de março de 2003 (22/02/09)
Próxima postagem : Saúde para corpo e mente

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

2leep.com

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo