18 de abr de 2009

'NÃO MORREMOS, O AMOR NOS LIGA ETERNAMENTE'

Reencarnação, tema muito importante para os dias de hoje. As pessoas estão muito acomodadas e somente o sofrimento, a perda de entes queridos é que as faz acordar para a realidade da vida. E o melhor, é saber que nós não morremos que o amor nos liga eternamente... E que através de estudos e exercícios podemos senti-las ou nos comunicarmos. E é maravilhoso saber que o filho que hoje estamos recebendo em nosso lar pode ser um antepassado querido ou alguém a quem precisamos perdoar ou sermos perdoados . Quando todos tiverem essa compreenção, o mundo será muito melhor. Wilma Vinhas (Grupo Partida e Chegada)

Falamos aqui neste espaço, frequentemente, sobre a reencarnação e sobre como levamos vári­as vidas para aprendermos a viver, não como seres humanos, mas como espíritos que se dispõem a prender. No papel, tudo parece fácil, como num manual de instruções. Já na vida normal, porém... Nada parece tão simples. O que acontece é que podemos até sair determinados a fazer tudo certo, mas quando chegamos aqui, com um médico dando palmadas no nosso traseiro e aquele monte de luzes e sons e coisas que não entendemos, esquecemos tudo. Então temos que aprender a nos encaixar numa família, numa escola, num bairro, num trabalho, numa re­ligião, numa sociedade, enfim, num mundo inteiro, e acabamos esquecendo de nos encaixarmos nos planos que tínhamos para nós.

Saber mais sobre a reencarnação é fundamental para crescermos, evoluirmos e aprendermos mais sobre nós mesmos e sobre a estrada que trilhamos. Precisamos freqüentemente de algo que nos lembre o que tínhamos que fazer.

Além disso, há o risco permanente de excessivo apego às regras em detri­mento do melhor para todos. Nós também podemos cair, eventualmente, numa armadilha do ego. Ninguém está imune. A vida é uma eterna prova, desde o nascimento até a passagem. Por isto, devemos prometer jamais nos entregarmos à preguiça e ao descaso, à indiferença e ao desânimo. Vamos continuar estudando, aprendendo e dando nosso melhor ao mundo e, quando alguém nos balançar o dedo como uma vara com alguma ordem imbecil, vamos domi­nar o desejo de explodir e devolver a provocação com um sorriso gentil.

No final, não precisamos esperar um momento espe­cial para nos tornarmos o que sonhamos ser. Nosso aprendizado está nas pequenas coisas, nos afagos, nas palavras certas, no olhar bonito que embeleza o mundo. Aí está nosso aprendiza­do. Creio que, no fim, é mais importante vivermos cada dia com beleza de gestos do que nos tornarmos os melho­res em um trabalho, função ou competição qualquer.

Os espíritos nos lembram que muitas vezes deixamos de ver o mundo e a vida como os presentes que são. Nos perde­mos em queixas, brigas e remorsos. Esquecemos de ver o riso e a beleza que às vezes se ocultam, mas ainda estão lá. Elas lembraram a mim, eu lembro a vocês. Sempre have­rá pessoas nos atrapalhando e tentando tornar a vida alheia mais sem cor, sem graça e mais difícil. Cabe a você permi­tir que consigam ou não. Aprenda isso e, não importa o que você tenha feito em outras encarnações, estará fazen­do bom uso desta.

Por Eddie Van Feu
A partir de artigo de Eddie Van Feu, escritora e jornalista, que faz do assunto vidas sucessivas um tema apaixonante.
Extraído da série "
Wicca", n. 35 (Reencarnação), Editora Modus

Artigos relacionados:

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo