23 de abr de 2009

PERDER ALGUÉM É PERDER PARTE DE NÓS

"Quantas saudades de meus pais que já partiram para a grande viagem! Quantas lembranças que nos arremetem lá no passado e podemos até ouvi-los em nossos pensamentos. Meu pai, um espírita convicto que me passou tantos exemplos de humildade e honestidade que graças a Deus ,pude passa-los aos meus filhos. Lembro-me dos passeios que fazíamos todos juntos e ríamos por nada,apenas pelo prazer de rir e ser feliz. Minha mãe,com suas mãos abençoadas que fizeram os sapatinhos e casaquinhos de todos os netos e bisnetos e estava sempre fazendo um crochê para dar de presente,distribuindo seu carinho e afeto a todos que a rodeavam. Eu estou sempre dizendo que agora ela deve estar fazendo sapatinhos para os anjinhos!!!Mas como dói a ausência,a falta de notícias,a casa vazia,abandonada!Eu falava com ela todos os dias infalivelmente às 10h da manhã.Quando eu demorava um pouquinho ela já ligava primeiro e agora eu não tenho mais prá quem ligar e contar as novidades dos filhos, da orquídea que floresceu ou do ponto de crochê que eu queria fazer.Como o tempo passa rápido ! Agora dia 25 de abril já lá se vão 15 anos que o papai partiu e minha mãezinha fez 2anos e 5 meses. Eu tenho certeza de que eles estão bem porque só fizeram o bem.E isso me conforta muito e oro todos os dias pedindo que Deus ilumine a caminhada deles no plano espiritual."L.M. - Paraná

Nas muitas manifestações que recebemos, boa parte relaciona-se à perda de parceiros de vida. Aqueles espíritos que escolhemos, antes de iniciarmos esta atual "viagem", para nos acompanharem e com eles compartilhar alegrias e tristezas. Para juntos evoluirmos, dia-a-dia, a despeito de eventuais pendências que possam advir de vidas passadas.

Bem sabemos que no caso de pais e filhos, parece insuperável a dor da ausência. "Entrar numa casa vazia pode ser, para quem perdeu o marido, a mulher, os pais ou os filhos, uma das experiências mais difíceis do cotidiano. Quando este alguém morre, o mundo parece desmoronar. Inicialmente, somos tomados pela perplexidade, como se nos encontrássemos num país estrangeiro e ninguém falasse nossa língua.

"Nós nos sentimos perdidos, como num pesadelo de que não conseguimos acordar. Vagamos como se estivéssemos adormecidos e, mesmo assim, uma terrível tristeza nos traz de volta à realidade. Nosso companheiro ou nossa companheira partiu e ficamos incompletos e vulneráveis. Não há ninguém que nos motive a despertar pela manhã ou nos convença a ir dormir à noite. Na realidade, não conseguimos enfrentar a hora de ir sozinhos para a cama. Tudo isso faz parte do processo normal de sofrimento.

"Perder alguém é, em certo sentido, perder parte de nós mesmos. Confiávamos um no outro, éramos íntimos, e nos apoiávamos em todas as ocasiões. Agora, quando mais precisamos de sua companhia, estamos sós. Tudo que construímos juntos parece sem sentido e vazio, porque não podemos compartilhar. Parece quase impossível fazer parte de um mundo em que ele ou ela não esteja mais presente".

Qualquer um pode observar que, ainda entre pais e filhos aparentemente sem sintonia, o abalo é gigantesco. No dia em que um deles morre, o outro deixa de ser aquele de sempre. Prevalece a angústia. Alguns parecem jamais se recuperar e ficam as lembranças dos velhos dias felizes. Crêem que só serão verdadeiramente felizes quando se encontrarem de novo em espírito. Então, aquela parte deles que morreu renascerá.

Mas não é necessário esperar tanto. Nossa experiência demonstra que nada mais irreal do que a sensação de distanciamento, de perda. Seus pais, que a amavam tanto, continuam em seu coração, vivem com você; mas não apenas isto. Suas almas a acompanham em sua jornada, mas, não menos certo, precisam de ajuda para poder ajudá-la. Sua angústia é a angústia dele, quando sente que nada podem fazer para te consolar.

Por isto, digo que um exercício eficaz para superar o trauma da ausência é conversar. Isto mesmo. Podem te achar maluca, mas você e eu (ao menos) sabemos que não é ! Converse com quem se foi, mas de maneira positiva, alegrando-se na certeza de que eles existem e assim ajudando-os a compreender seu novo estado. Fale com else como foi seu dia, suas dúvidas, seus planos e peça a sua opinião. De uma maneira ou de outra, por iniciativa própria (quando permitido) ou por intermédio de espíritos de luz, seu recado lhe chegará, mesmo que através dos sonhos.

Pode ser um exercício doloroso, pois quem ficou quer mais. Mas lembre-se, sempre, que a ajuda precisa ser mútua. Portanto, tanto mais estará fazendo bem aos pais que se "distanciaram" na medida que reconhecer esta verdade e aceitá-la, com paz no coração. Não se vincule a uma comunicação que pode nunca vir, pois a espera e a falta podem se transformar em flecha de dor. E sua dor, não se esqueça, é a dor deles. Viva este momento com confiança na imortalidade do espírito, pois só esta certeza, sincera e sólida em seu coração, fará curar as cicatrizes e ajudar quem se foi.

Marcos Grignolli

14 Comentários:

Rose disse...

Olá, Marcos; é assim mesmo que me sinto, vc descreveu com perfeição o sentimento de vazio quando chego em casa e não encontro mais minha mãe. Parece que estou sonhando acordada e tenho que fingir que está tudo bem porque a maioria não entende. Um abraço.

Anônimo disse...

Bom dia, Marcos
parabéns pelo texto, simples e ao mesmo tempo rico e cheio de sabedoria!
Seu conselho é valoroso, falo por experiência própria;meu filho voltou para o lar espiritual a dois anos e todos os dias converso com ele pelo pensamento.
É uma terapia maravilhosa que recomendo a todos.

Deus te ilumine para você continuar nos brindando com suas palavras de amor!

Um abraço fraterno...

marilene disse...

Hoje. exatamente hoje estou com muita saudades de meu paizinho querido. Ele foi embora fisicamente, mas espiritualmente ele esta comigo. Sinto muita saudades e gostaria de receber uma mensagem dele.Mas,parece ser algo impossível. Nem mesmo em sonhos consigo falar com ele. Mas,na medida do possivel tento conversar com ele, como se estivesse presente a meu lado.

Anita disse...

Marcos, que Deus o abençoe por essas palavras tão profundamente confortadoras..... chorei,chorei,chorei.....tudo o que vc descreveu é verdadeiro eu senti e sinto tudo isso, com relação aos meus pais, tias, e uma grande e eterna amiga que partiu há um ano atrás...Obrigada Marcos, muitas bençãos pra vc. Um grande abraço.

L.M. disse...

Muito obrigada pelas suas palavras que me fizeram algumas lágrimas rolarem pelo meu rosto. Como é bom saber que a vida continua depois da grande passagem para o além,não é mesmo? Apesar da separação física sabemos que os laços espirituais continuam sempre e que o amor não morre nunca entre aqueles que escolheram viver as experiências evolutivas juntos.
Agradeço de coração suas palavras consoladoras que me alertaram a não ficar pedindo por algo que talvez não seria bom nem prá mim e nem prá eles,lá no andar de cima.
Deus sabe o momento de cada um e devemos estar cientes de que só Ele nos conhece profundamente e dá a cada um de nós aquilo que merecermos.
Que Deus o abençoe nesta caminhada da grande seara do Senhor!
Desta amiga virtual e espiritual.L.M.

alexandra disse...

gostaria de receber noticias de minha avó que desencarnou dia 05.02.2009 Yolanda Ursula de Freitas , sinto muitas saudades , ela era tão querida e amada , claro que sei que ela esta apenas em outra dimensão , mas gostaria de ser merecedora de noticias suas , meu coração muitas vezes chora de saudades sente a perda tão rapida naquela quinta feira , peço uma palavra de consolo e apenas saber como ela esta ???

A paz e muito amor no coração de tds .

Mery disse...

GOSTARIA DE RECEBER NOTICIAS DE MEU IRMÃO ROGÉRIO BARBERINO, QUE DESENCARNOU EM 02/01/2009, ASSASSINADO, ELE ERA POLICIAL E ESTAVA DE SERVIÇO QUANDO FOI CHAMADO PRA FAZER UMA OCORRÊNCIA DE BRIGA POR UMA VAGA DE ESTACIONAMENTO, ISSO OCORREU EM RIO DAS OSTRAS –RJ. QUERIA SABER COMO ELE ESTÁ, TINHA MUITO A FALAR PRA ELE. GOSTARIA MUITO DE RECEBER UMA MENSAGEM DELE, COMO FAÇO? ME AJUDEM.

Mary disse...

Oi,Marcos...Sua msg é realmente linda...O Abalo que sofremos com a perda de nosso único Filho é inimaginável...Principalmente qdo esse Filho não apresenta nenhum problema sério ou grave de saúde...Perdí minha única Filha às vésperas do meu aniversário em abril e até agora não me conformo e é mto difícil pra mim aceitar essa partida...Cada dia que passa a saudade aumenta mais e a distância parece cada vez maior...Embora eu me apegue a Fé do reencontro;peço à DEUS e à Nossa Senhora que me dê Resignação e Força pra suportar a falta física de Minha Filha Querida.Devo naum merecer receber msgs,pois que passei por essa perda tão dolorosa na minha vida.Me pergunto tds os dias : o que eu devo ter feito pra passar por tantas perdas difíceis (já perdí meu Pai,minha única Irmã),minha Mãe teve um derrame que nunca mais permitiu que fosse a mesma de antes.E essa perda maior agora:Minha Única Filha...Devo realmente ter sio u espírito mto primitivo,mto ruim pra merecer nesta vida todas essas perdas dolorosas...É uma pena que naum se saiba sobre vidas anteriores.Pq quem sabe assim,eu conseguiria entender um pouco mais sobre esta atual...

Mary disse...

Marcos...Seria possível receber uma msg de Um Mentor Espiritual,pra saber o motivo desta perda tão dolorosa de Minha Única Filha???Qual o motivo??? Já me dissram q posso saber o motivo,mas me pergunto tds os dias:Por quê a MARIANE se foi assim tão de repente e do nada????Estale seus dedos;percebeu o ''tempo'' o ''instante''...Foi assim que ELA se foi...''De Repente''...Caiu no banheiro ,sem respirar,desacordada...Me ajuda,Marcos...Por favor...Obrigada...Mary...

Mary disse...

Marcos...Seria possível receber uma msg de Um Mentor Espiritual,pra saber o motivo desta perda tão dolorosa de Minha Única Filha???Qual o motivo??? Já me dissram q posso saber o motivo,mas me pergunto tds os dias:Por quê a MARIANE se foi assim tão de repente e do nada????Estale seus dedos;percebeu o ''tempo'' o ''instante''...Foi assim que ELA se foi...''De Repente''...Caiu no banheiro ,sem respirar,desacordada...Me ajuda,Marcos...Por favor...Obrigada...*Mary Célia*...

Em Tempo: mudei meu nome,pq entrou outra Mary no Blog.Então personalizei o meu,prá que Vc possa distinguir de qual Mary se trata,ok? Obrigada...Beijos...Deus Te Abençoe Sempre!!!!!

Mary disse...

Oi,Marcos...Desde que Minha AMADA FILHA Partiu; na véspera do meu aniversário em Abril do ano passado(2009), tenho buscado respostas e consolo.Lí dezenas de livros,de vários autores e inclusive o indicado por Vc da Celina Fioravanti.Aliás,agradeço muito sua atenção em me responder no Tópico.Mas ainda assim;não encontro uma resposta,um consolo que me acalme o coração e me diga o motivo desta perda tão repentina,súbita e inesperada.Minha FILHA fez a passagem ''Do nada''...Como eu disse antes: Estale os dedos...Foi assim que ELA partiu...Caiu...Aparentemente inconsciente...Atravessou...
Já tive muitas manifestações físicas dela aquí em casa,muitas ''mensagens'',muitos encontros em ''sonhos''...Porém,ainda não conseguí receber uma msg sequer psicografada por ELA...Hj em dia, tenho tentado me acostumar à falta física que ELA me faz.Mas não é muito fácil não.É um treinamento diário.ELA tinha só 30 anos,era uma Menina cheia de Vida,esperança e com uma Filhinha Recem Nascida pra criar...Hj em dia;direciono meu Amor e projeto minha esperança, nestas Crianças(MEUS NETOS:-GABRIEL e MARINA) que ficaram Órfãos...
Por falar em órfãos,lembrei de um comentário lá em cima sobre perda.Desde o dia que Minha AMADA FILHA se foi,digo e repito isto: ''QDO SE PERDE O PAI OU A MÃE,FICAMOS ÓRFÃOS...QDO SE PERDE O MARIDO OU A ESPOSA,FICAMOS VIUVAS(OS)...E QUANDO SE PERDE UM FILHO...???FICAMOS O QUÊ???? TEM NOME PRA ISSO????ALGUÉM JÁ CONSEGUIU DEFINIR???DUVIDO...SÓ QUEM PODE DEFINIR,É UMA MÃE OU UM PAI QUE PASSOU POR UMA PERDA COMO ESTA...SABE QUAL SERIA A DEFINIÇÃO MAIS APROXIMADA????...PERDIDO...UMA MÃE OU PAI QUE PERDE UM FILHO,DE QQUER FORMA QUE SEJA,SE SENTE PERDIDO...ABANDONADO NO MEIO DO NADA...OBRIGADA POR ME LER,MARCOS...DEUS CONTINUE TE ABENÇOANDO SEMPRE...*MARY CÉLIA*

Joana disse...

Quero lhe agradecer pela linda mensagem que vc me mandou, é um pouco tarde para lhe responder eu sei , mas quero que saiba que tudo o que constava em sua mensagem é o que sinto. Estou em tratamento psicológico pois ainda não consigo aceitar e as lágrimas insistem em derramar mesmo agora lhe mandando esta mensagem.

Sei que estou não estou agindo certo ,mas, tenho certeza que um dia esta dor vai passar. Hoje esta completando 5 meses que ele desencarnou ,e cada dia que passa parece mais e mais dificil superar tudo isso. Mas o que eu queria era mesmo agradecer pela mensagem, leio seguido ela e me faz muito bem e me tras a esperança de um dia nos encontrarmos novamente. E muito bom saber que temos amigos como voces para nos confortar com belas palavras. Um grande abraço.
Joana Marisa de Paula

Anônimo disse...

0i,estou comuita saudade do meu filho que partiu dessa vida para outra . espero um dia nos encontrar. perder um filho e perder parte de si mesmo,pos e muito doloroso, so sabe e quem perde o mundo desaba encima de voçe, e abrir uma crateira dentro do teu peito, pois e muito conplicado .mas deus sabe o que faz.um abraço a todas maes que estao nesta situaçao,que deus ilumine o coraçao de todos nos ,fique com deus pois ele e o chefe e possa ajudar nos todos

coraçao partido disse...

GOSTARIA DE SABER SE POSSIVEL EU RECEBER UMA MENSAGEM DO MEU FILHO QUE PARTIU A QUATRO MESES EM UM ACIDENTE TRAGICO DE MOTO,POIS ESTOU COM MUITAS SAUDADES DELE E GOSTARIA DE SABER COMO ELE ESTA E QUERO TE FAZER UMA PERGUNTA PORQUE EU TENHO A SENSAÇAO QUE SONHEI COM ELE E NAO ME LEMBRO DE NADA SO FICA AQUELA IMPRESSAO QUE SONHEI MAS NAO ME RECORDO.

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

2leep.com

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo