22 de mar de 2010

'NOSSO LAR' ENCERRA ANO DE CHICO. VEJA TRAILER


Além da biografia dirigida por Daniel Filho, que deve estrear em 2 de abril, os brasileiros verão em setembro o médium em “Nosso lar”, adaptação do livro de mesmo nome psicografado por Xavier em 1944. Maior clássico da literatura espírita nacional, o romance – que acabou virando série – é contado sob o ponto de vista do espírito André Luiz, que, como um repórter, transmite suas impressões sobre o mundo espiritual pós-vida para Xavier. 

Dirigido por Wagner de Assis (“A cartomante”), “Nosso lar” é rico em efeitos especiais. “O filme todo se passa em uma cidade espiritual chamada Nosso Lar, e o maior desafio foi a construção dessa cidade”, explica a produtora do filme Iafa Britz. “Durante meses, nossa diretora de arte e um grupo de arquitetos se debruçaram sobre esse projeto, que é verdadeiramente arquitetônico. Depois, tudo foi recriado pelo pessoal dos efeitos especiais.”

Para a fotografia e os efeitos especiais foram convocados profissionais internacionais, incluindo o diretor de fotografia Ueli Steiger (de “10.000 A.C”, e “O dia depois de amanhã”) e o supervisor de efeitos especiais Lev Kolobov, da empresa canadense Intelligent Creatures (“A caçada”, “Babel” e “Watchmen”). No elenco, “Nosso lar” tem Renato Prieto, Othon Bastos, Ana Rosa, Werner Schunemann, Lu Grimaldi, Nicola Siri e Chica Xavier e Paulo Goulart – que também participa do longa de Daniel Filho.

Sobre a possibilidade de bater de frente com outra produção sobre Xavier nos cinemas neste ano, Britz afirma que “não tem concorrência”. “Um filme é ‘primo’ do outro. ‘Chico Xavier’ sai em abril, e o nosso, em 3 de setembro. E são filmes muito diferentes. ‘Chico’ é baseado em uma biografia escrita por outro autor. ‘Nosso lar’ é uma adaptação de uma obra que foi escrita por ele, um livro que teve tiragem de 2 milhões de cópias e que, estatisticamente, foi lido por 16 milhões de pessoas”, diz a produtora, envolvida no projeto desde 2005.

“Sabemos do potencial do filme e esperamos que ele atinja o público como um todo. Qualquer um pode gostar e se interessar por ‘Nosso lar’. É uma história que pode ser contada não só para quem é espírita mas para qualquer um”, conclui.

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo