2 de out de 2010

IMA: PRECONCEITO RELIGIOSO ACABA NA BUSCA POR CURA ESPIRITUAL

Responsáveis aconselham a manter tratamento convencional
Na fila de "pacientes" que esperavam por atendimento no IMA (Instituto Medicina do Além), em Franca, na noite da última quarta-feira, a Folha encontrou de pessoas com doenças graves, como câncer, a quem buscava uma "cirurgia" para emagrecer.

O perfil religioso dos que recorrem ao tratamento espiritual também é dos mais variados. Entre os pacientes entrevistados havia espíritas, católicos e evangélicos. Na fila das consultas, havia gente que dizia já ter desistido de achar a cura na medicina e que via como última alternativa encontrar um "milagre" espiritual.

A maioria dos que aguardavam atendimento era de mulheres, como a microempresária Eliana Aparecida Veloso, 50, dona de uma loja em São José do Rio Preto.

Ela disse que há dez anos sofre com o surgimento de nódulos no seio esquerdo, que inflamam e causam dores. "Os médicos não conseguem resolver", afirmou.

Católica, Eliana chorou ao ser tocada por João Berbel durante a consulta espiritual. "É uma sensação indescritível, uma grande emoção", disse ela, que agora passará pela cirurgia.

Acompanhado pela mulher, o piscicultor Aristides Manso Figueiredo, 60, viajou de Araraquara a Franca em busca de cura para um câncer no pescoço, contra o qual luta há dez anos.

"Nós estamos precisando muito dessa ajuda", disse a doméstica Marise Aparecida Figueiredo, 50, mulher de Aristides, logo depois de o marido ser consultado.

Na fila dos que já foram operados e passariam pelo retorno, a auxiliar de enfermagem Zélia Pereira Goulart, 43, diz que fez uma redução de estômago pelo tratamento espiritual. Espírita, ela garante que havia perdido 3,5 kg em 15 dias.

Os responsáveis pelo IMA, porém, não aconselham os fiéis a deixar de procurar o tratamento médico. "O tratamento espiritual é complemento", disse o vice-presidente do IMA, Marcos Afonso de Almeida.

Em 2005, o CRM (Conselho Regional de Medicina) chegou a inspecionar o local. A fiscalização não viu irregularidades, pois não detectou exercício ilegal da profissão. Só "questões religiosas".

Mais informações : Instituto de Medicina do Além - IMA

Seja o primeiro a comentar ;)

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

2leep.com

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo