17 de nov de 2011

O SENTIMENTO DE LUTO É O ÓDIO DA PERDA

Perdas. O luto é uma reação normal, fisiológica, psicológica, com começo, meio e fim. Quando perdemos alguém que se ama, passamos por um estado de muita dor psíquica: revolta natural, raiva, ódio e dizemos: porque fizeram isto conosco, porque Deus tirou a vida da pessoa, enfim, interpretamos a perda como um fato contra nós.

Essa atitude é de negação, de recusa a não reconhecer que a morte se impõe como realidade, não é contra ninguém. Do mesmo modo reagimos com indignação quando vemos que alguns dos nossos desejos, projetos, sonhos, não se realizam. Viver nossos lutos é ter humildade para perder, para sobreviver essa dolorosa experiência: daí o luto ter um tempo adequado para nos refazermos do trauma. Como isso pode ser possível?

Chorando, entristecendo e lembrando das situações boas que passamos com a pessoa que se foi, assim como nos acostumando que uma saída para fazer o luto é ter a pessoa dentro de nós. Só se consegue atravessar o luto aquele que pode carregar em seu interior, dentro de si, a pessoa amada e ter saudade dela. A saudade é uma palavra que só existe na língua portuguesa, é um sentimento triste mas integrado para se preencher a falta de alguém ou de alguma coisa. É na saudade que lembramos, que recordamos o bom que alguém nos foi, e paulatinamente vamos retendo na memória a imagem de uma pessoa viva. Aquele que perdemos se mantém vivo dentro de nós, caso o amor tenha predominado nessa relação. Com isso, quero frisar que podemos atravessar essa turbulência sem transformar o luto em depressão ou melancolia.

Carlos A. Vieira
A depressão é o ódio à perda. A depressão é a impossibilidade de saber perder, ainda que isso seja doloroso. Existem pessoas que se revoltam, que não admitem a falta, que reagem com furor e raiva. E desenvolvem uma atitude de recusa à realidade. Perdem o sentido de viver, não encontram mais força para refazerem sua vida e terminam por pautarem sua existência com queixas, lamentos, revolta e um sentimento de apatia permanente – estamos diante de uma depressão grave ou melancolia. Necessitam de uma psicoterapia e não muito infreqüentemente, de um tratamento com antidepressivo. Em resumo: depressão é realmente ódio à perda.

Lya Luft, poetisa, contista e romancista, em seu belo livro "Para não dizer adeus", Editora Record, Rio de Janeiro, nos brinda com esse profundo poema:

"Perder, Ganhar
Com as perdas, só há um jeito:
Perdê-las.
Com os ganhos,
O proveito é saborear cada um
Como uma fruta de boa estação.


A vida, como um pensamento,
Corre à frente dos relógios.
O ritmo das águas indica o roteiro
E me oferece um papel:
Abrir o coração como uma vela
Ao vento, ou pagar sempre a conta
Já vencida.”

Carlos A.Vieira
Médico, psicanalista da Soc. de Psicanálise de Brasilia e membro da FEBRAPSI-IPA-London.

16 Comentários:

Anônimo disse...

FAZ 1 ANO E 6 MESSES QUE PERDI MEU ESPOSO,E EU O AMAVA MUITO NÓS ERAMOS MUITO FELIZES E SÓ PASSAMOS 2 ANOS JUNTOS,ATÉ HOJE NÃO ME CONFORMO COM ESSA PARTIDA REPENTINA DELE E SEI QUE DARIA MINHA PROPIÁ VIDA PRA TER ELE AQUI COMIGO DE NOVO... A SAUDADE É IMENSA E SEI TAMBÉM QUE MESMO QUE EU VENHA FICAR COM OUTRA PESSOA AMOR MESMO EU SÓ SENTIA E SINTO ATE HOJE O QUE VIER ACONTECER NA MINHA VIDA DAQUI PRA FRENTE SERÁ SÓ PAIXÃO POIS EU ACREDITO QUE SÓ SE AMA UMA VEZ NA VIDA E O MEU AMOR POR ELE É MAIOR QUE TUDO!

Anônimo disse...

Quando perdí meu pai de um infarto agudo, confesso que sentí nojo da morte, achei humilhante olhar ele dentro daquele caixão.... hoje, seis anos depois,percebo que a morte de nossos queridos poder ser muitas vezes a oportunidade de revermos melhor nossos conceitos sobre a vida.

Anônimo disse...

Perdi meu namorado tem menos que um més,estou louca ja ñ sei oq fazer.
tinha tantos planos,perdemos tudo.
a saudades tomou conta de mim,choro todos oa dias,tenho um vazio que nada completa.
Foi meu primeiro amo,e séra para sempre o único..

mariza disse...

Morte de meu filho CAIQUE (Agente Federal 44 anos
Coraçao partido Amor dilacerado
Inda que dificil
Quero estar a seu lado
Uma maezinha que acredita
Estar sempre junto ao filho amado e abençoado

Anônimo disse...

Quero tanto morrer, quero tanto morrer, mas nao tenho coragem de tomar tal decisao, nao creio em nada mais, nao sei porque uns passam tao bem pelo mundo e outros sao tao injustiçados, quero morrer!!!! quero morrer, preciso morrer!!! quero sair dessse pessimo mundo!!! uma hora vou conseguir!!!!

Anônimo disse...

merda de mundo, odeio esse mundo!!!! odeio quem e responsavel pelo mundo e faz desse mundo uma merda!!!! quero morrer!!!

Anônimo disse...

A SAUDADE EXITIRÁ SEMPRE, O AMOR NUNCA VAI MORRER, O QUE SINTO PELA MINHA MÃE ESTARÁ SEMPRE VIVO DENTRO DE MIM. ELA APENAS PASSOU PARA O OUTRO LADO, E UM DIA ESTAREI LÁ. OBRIGADA MÃE JUDITH, POR TUDO QUE FEZ POR MIM. TE AMO. MARA

VejaBlog - Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil! - disse...

VejaBlog
Seleção dos Melhores Blogs/Sites do Brasil!
http://www.vejablog.com.br

Parabéns pelo seu Blog!!!
- Partida e Chegada -

Você está fazendo parte da maior e melhor
seleção de Blogs/Sites do País!!!
- Só Sites e Blogs Premiados -
Selecionado pela nossa equipe, você está agora entre
os melhores e mais prestigiados Blogs/Sites do Brasil!

O seu link encontra-se no item: Blog

http://www.vejablog.com.br/blog

- Os links encontram-se rigorosamente
em ordem alfabética -

Pegue nosso selo em:
http://www.vejablog.com.br/selo

Um forte abraço,
Dário Dutra

http://www.vejablog.com.br
....................................................................

Odete disse...

Dia 11 de dezembro de 2011 houve uma grande tragedia em minha familia.Meu sobrinho de 17 anos filho adotivo de meu pai estava numa moto e atropelou um animal vindo a falecer ele um amiguinho dele e o animal na hora.Naquela madrugada triste meu pai e meu irmão foram ao local do acidente e no desespero da situação um homem conhecido da minha familia teceu um comentário negativo "Esse aí ja morreu já tá no inferno..."Naquele momento meu pai pediu que ele se retirasse e ele continuou insistindo naquela falacia,daí meu pai perdeu a cabeça e deu um soco nele.Aí ele foi em casa pegou uma arma chegou de volta ao local, esperou a policia sair com o corpo do colega do meu sobrinho que ainda estava respirando .Voltou ao carro pegou a arma edeu 8 tiros em meu pai e atingiu mais 3 pessoas que estavam no local inclusive meu irmão levou um tiro.Meu pai ficou na UTI por 10 dias vindo a falecer dia 21 do memo mês...Hoje estamos todos sofrendo...È muita dor!!! Muita revolta Principalmente por saber que o assassino se apresentou depois do flagrante e está solto...Agente fica se perguntando .O que fizemos a Deus? Porque Tantos Sofrimentos Juntos? O mundo perdeu o sentido para mim...

Anônimo disse...

A Saudade é imensa, perdi meu amado pai a 5 meses,mas tenho pedido muito a Deus que me conforte dessa dor. Todos os dias ainda choro a perda, mas não me revolto não. Quero um dia poder estar junto dele.

Nós Os Cachorros disse...

Olá!!!!
Aqui vai uma dica:

http://nososcachorros.blogspot.com/2012/02/como-configurar-seu-blog-para-celular.html

Abraxos.

Anônimo disse...

Perdi minha esposa há 4 meses, 6 dias após o parto da nossa filhinha, Flarine. Penso que todos podem imaginar o quão grande é minha dor. Perder meu grande amor e ver nossa filha perder a mãe. Chorei copiosamente por dias a fio, mas foi na nossa filha que encontrei força e amor pra seguir adiante. Não fosse ela e eu teria ido junto da minha amada, tamanha a dor, tamanha a tristeza. Mas, espírita que sou, persistirei até o fim desta vida, levando-a com o máximo de humildade que eu puder, para que, então, eu possa reencontrar e regojizar-me ao lado dela, por outras tantas vidas, junto de nossa filhinha...

Anônimo disse...

Amar a Deus sobre todas as coisass..

Anônimo disse...

DIA 15/05/2012

ESTÁ FAZENDO UM MÊS QUE PERDI MEU FILINHO BRUNO GABRIEL EU ESTAVA DE OITO MESÊS QUANDO FIQUEI SABENDO QUE MEU FILHO NASCERIA MORTO.
AÍ PENSEI COMO PODE O QUE FIZ?ME PERGUNTEI E ME PERGUNTO TODOS OS DIAS PORQUE FOI ACONTECER ISSO LOGO COMIGO SERA QUE NÃO FUI UMA BOA ESPOSA OU UMA BOA FILHA SERÁ QUE NO FUTURO NAO SERIA UMA BOA MAE MIL E UMAS PERGUNTAS SE ENTRELAÇARAM EM MINHA CABEÇA AI FUI A IGREJA E VI QUE NAO SOU NADA SEM MEU DEUS E QUE SE ESSA FOI A VONTADE DELE QUEM SOU EU PRA IMPEDIR POIS QUE SEJA FEITA A SUA VONTADE MAS QUANDO VOU DORMI VEJO SEU ROSTINHO EM MINHA CABEÇA AQUELA COISINHA TAO PEQUENA QUE NEM VIU O MUNDO INDO EMBORA FICAR LÁ EM CIMA COM PAPAI DO CEU NAO ME CONFORMO ATE HOJE SO DEUS SABE TUDO O QUE SE PASSA DENTRO DE MIM AS VEZES QUERIA QUE O TEMPO VOLTA-SE PARA PODER CURTI MAS ELE DENTRO DE MIM AS VEZES QUE ELE ME CHUTAVA OU QUANDO NAO ME DEIXAVA DORMI SINTO MUITA FALTA DO MEU FILHO PLANEJEI MUITAS COISAS IMAGINEI COMO SERIA PEGA-LO EM MEUS BRAÇOS AMAMENTA-LO E OUTRAS COISAS PESSO TODOS OS DIA QUE DEUS POSSA ME ENVIAR OUTRO ANJINHO PORQUE SOFRO MUITO SEM MEU BEBEZINHO SEI QUE ELE ESTA OLHANDO POR MIM QUE ELE DESCANSE EM PAZ PORQUE SEMPRE PENSAREI NELE EM CADA MOMENTO DA MINHA VIDA EM CADA ESTANTE PORQUE ELE OI E SEMPRE SERA MEU PRIMEIRO FILHO BRUNO GABRIEL

Anônimo disse...

Meu bebezão, nasceu dia 27 de março 2012 e faleceu 27 de maio 2012...meu Deus ele estava pesando 6,5kg 67cm grande, lindo, amado, desejado, eu passava horas olhando ele dormir... cheirando sua boquinha, ele me olhava nos olhos bem lá no fundo, fico imaginado o que Deus quer de mim. Meu bebezinho foi planejado, desejado ao extremo pelo papai, mamãe, vovós, vovô! é uma dor terrível, insurportável, incalculável. ele teve a primeira febre da vida às 4:45 da manha de sábado corri para os médicos que não descobriam nada, às 05:25 ele teve a primeira parada respiratória, às 10:30 ele faleceu eu tive somente 24hs para tentar salvar meu filho...meningite bacteriana fortíssima, que dor...

Anônimo disse...

Perdi meu pai as 4 anos no dia 2 de abril,7dias antes do meu aniversario de 13 anos,senti muito achei que não iam mais conseguir viver ate tratamento tive que fazer,e tive ajuda de uma pessoa muito especial na vida que é meu tio,como sempre moramos juntos ele se tornou um segundo pai,mais a menos de 1 anos ele faleceu,depois de passamos um dia todo junto como sempre.desde nova sempre tive um lado espiritual muito grande mais depois que ele morreu me bate um revolta da morte e tudo que a envolve.

Postar um comentário

Deixe aqui seu recado ou depoimento, de forma anônima se preferir. Respeitamos a sua opinião, por isto recusaremos apenas as mensagens ofensivas e eventuais propagandas. Volte sempre!

Artigos mais lidos

  ©PARTIDA E CHEGADA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo